topo
Início da Busca
Campo de busca
Fim da Busca
Início do contéudo da página

Beneficiários poderão conferir a nota da operadora em cada um dos quatro quesitos de avaliação

Já estão disponíveis para consulta os resultados do Programa de Qualificação das Operadoras de Planos de Saúde referentes ao ano de 2008. Pela primeira vez, além da avaliação geral (Índice de Desempenho da Saúde Suplementar - IDSS), o consumidor pode conferir o Índice de Desempenho de sua operadora em cada uma das dimensões analisadas: atenção à saúde, estrutura e operação, satisfação do beneficiário e econômico-financeiro. Para fazer a consulta, basta acessar o sítio da ANS de posse a razão social ou o número de registro ou o CNPJ da operadora.
 
Foram avaliadas 1.480 operadoras de planos de saúde das 1.707 operadoras atualmente ativas e com beneficiários no Brasil. Em 2008, essas operadoras respondiam por aproximadamente 94% dos beneficiários de planos de saúde. A edição 2008 do programa de avaliação contou com 31 indicadores, dois a menos que a anterior, referente a 2007, e aperfeiçoamentos nos critérios de pontuação de muitos outros indicadores.

"Ao escolher uma operadora de planos de saúde, o beneficiário pode avaliar e até comparar os desempenhos e, com isso, escolher a empresa de maior qualidade. Este ano, além do desempenho geral, o beneficiário poderá saber como anda a qualidade das operadoras em termos assistenciais, econômico-financeiros, operacionais e de satisfação dos beneficiários. Esta é uma poderosa ferramenta de apoio à decisão do beneficiário", afirmou o diretor-presidente da ANS, Fausto Pereira dos Santos.

A relação completa de operadoras está organizada segundo modalidade e porte, e por segmentação assistencial dos planos comercializados (planos ativos e com beneficiários). As cinco faixas de pontuação são 0,00 a 0,19; 0,20 a 0,39; 0,40 a 0,59; 0,60 a 0,79; 0,80 a 1,00. Entre os beneficiários de planos de assistência médica das empresas avaliadas, 77,1% estão em operadoras com IDSS nas faixas média (0,40 a 0,59) ou superiores. Nos planos odontológicos, o número chega a 82,3%.

20090808qualiss1
20090808qualiss2 
  
 Das 1.772 operadoras ativas em 2008, 1.707 permaneceram ativas até 3 de agosto de 2009. Dessas, 134 operavam há menos de 12 meses e não foram avaliadas. Outras 93 operadoras, estiveram em regime especial em 2008 e/ou estão em 2009 e, portanto, não tiveram o seu desempenho divulgado nessa avaliação. Chegou-se, então, ao número de 1.480 operadoras avaliadas em seu desempenho. Confira a distribuição por modalidade na tabela abaixo:

Tabela 1 - Distribuição das operadoras avaliadas e de seus beneficiários, por segmentação de operação e por faixas do IDSS (Avaliação de desempenho referente a 2008)

20090808qualiss3
Entre essas operadoras, 49,5% das que pertencem ao segmento médico-hospitalar tiveram IDSS classificado nas faixas de 0,40 a 0,59 ou superiores. Essas operadoras respondem por 77,1% do total de beneficiários vinculados às operadoras avaliadas. Nesse segmento, as operadoras que obtiveram o desempenho na faixa de 0,60 a 0,79 respondem por 45,1% dos beneficiários.

A Tabela 1 mostra também que 39% das operadoras do segmento Exclusivamente Odontológico foram classificadas nas faixas de 0,40 a 0,59 ou superiores do IDSS e que essas operadoras respondem por 82,3% do total de beneficiários vinculados às operadoras avaliadas. Nesse segmento, as operadoras que obtiveram o desempenho na faixa de 0,60 a 0,79 respondem por 56,7% dos beneficiários.

A lista de  resultados referentes ao ano base 2008 do Programa de Qualificação da Saúde Suplementar está organizada da seguinte maneira:
 
- Modalidade: seguradoras, autogestões, medicinas de grupo, odontologias de grupo, cooperativas médicas, cooperativas odontológicas e filantrópicas.
- Porte (de acordo com o número de beneficiários): pequeno (0 a 9.999), médio 10.000 a (99.999) e grande (mais de 100.000)
- Segmentação dos planos: as empresas estão classificadas de acordo com a segmentação dos planos ativos e com beneficiários no ano de 2008. O IDSS, nota dada a cada operadora avaliada, é mais uma ferramenta a serviço do consumidor na hora de contratar um plano de saúde. Com a entrada em vigor da portabilidade de carências, o consumidor poderá utilizar o IDSS como mais uma referência para sua tomada de decisão.

O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) varia de zero a um (0 - 1), e resulta do somatório de um conjunto de dimensões com pesos específicos: Atenção à Saúde (50%), Econômico-financeira (30%), Satisfação dos Beneficiários (10%) e Estrutura e Operação (10%).

O desempenho da operadora em cada dimensão é medido por um conjunto de indicadores e seu resultado é dado pelo quociente entre a soma dos pontos obtidos pela operadora, em cada indicador e a soma do máximo de pontos possíveis de todos os indicadores específicos daquela dimensão. Os indicadores são calculados a partir de dados extraídos dos sistemas de informações da ANS, enviados pelas operadoras ou coletados pela ANS, além de dados de sistemas nacionais de informações em saúde.


Número de indicadores na avaliação referente a 2008 por dimensão avaliada:

20090808qualiss4
O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) é uma informação importante para o consumidor na hora de contratar um plano de saúde. A partir dele, é possível conhecer o nível de qualidade das operadoras e fazer uma melhor escolha. Para os consumidores de planos individuais novos (contratados a partir de 2 de janeiro de 1999) que pretendem exercer seu direito à mobilidade com portabilidade de carência, a consulta ao IDSS é fundamental para que essa mudança traga consigo acréscimo de qualidade. Além de avaliar e  classificar desempenho, o Programa de Qualificação da Saúde Suplementar tem por objetivo abrir possibilidades para a melhoria dos serviços prestados pelas operadoras de planos de saúde.
 
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) mantém uma central de relacionamento disponível para consultas e denúncias via Disque ANS (0800 701 9656), pelo Fale Conosco no sítio www.ans.gov.br ou para atendimento pessoal em um dos 12 Núcleos Regionais de Atendimento e Fiscalização existentes no país. Os endereços estão disponíveis no sítio da ANS.

 


Compartilhe:

Fim do contéudo da página
Início do rodapé
ANS no Twitter
ANS no YouTube
ANS no Facebook
ANS no Likedin
RSS
Acesso à Informação
Governo Federal
Fim do rodapé

ANS - Agência Nacional de Saúde Suplementar

Inicio do Endereço Sede
Avenida Augusto Severo, 84 - Glória - Rio de Janeiro/RJ - CEP: 20021-040
Fim do Endereço Sede
Ir para o topo da página